Setor gráfico nacional contribui com o 2º. Fórum Transparência e Competitividade da Fiep :: Guia do Gráfico ::
X
Formulário de Contato





Mensagem Enviada

10 de março de 2016

Setor gráfico nacional contribui com o 2º. Fórum Transparência e Competitividade da Fiep

Ricardo Viveiros & Associados – Oficina de Comunicação

Líderes do setor gráfico nacional participam nesta quinta-feira (10) do 2º. Fórum Transparência e Competitividade da Fiep (Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná) que, esse ano, tem o tema ”Corrupção custa caro”. Presidentes e diretores da Abigraf Nacional (Associação Brasileira da Indústria Gráficas), de todas as Abigrafs Regionais e da cadeira produtiva da impressão vão aproveitar a Reunião Executiva das entidades a partir das 9h30 para debater, entre outros assuntos, o cenário político e econômico atual do Brasil, levantando pontos para serem fomentados durante o Fórum, que começa a partir das 14h, no Campus da Indústria, na Fiep. Tanto a Abigraf Nacional, quanto o Sigep/Abigraf-PR (Sindicato das Indústrias Gráficas do Estado do Paraná e Associação Brasileira da Indústria Gráfica – Regional Paraná) são apoiadores e estão também na organização do Fórum.

Levi Ceregato, presidente executivo da Abigraf Nacional, comanda a Reunião Executiva da entidade pela manhã e às 17h participará do Fórum debatendo no painel “O Sistema Anticorrupção e a Responsabilidade das Empresas e Gestores”.  “Vamos debater sobre a importância de sistemas de compliance e sobre como a gestão transparente e eficaz é o melhor caminho para a obtenção de resultados positivos”, comenta Ceregato.

Para o presidente da Abigraf-PR, Jair Leite, a ideia de trazer a Reunião Executiva da Abigraf Nacional para o dia e local do Fórum de Transparência e Competitividade tem a ver com o momento atual pelo qual passa a sociedade brasileira e o próprio setor gráfico. “O setor gráfico também é muito penalizado com a corrupção.Muitas  empresas honestas são alijadas do processo concorrencial do governo quando há corrupção, com isso perdem mercado por não conseguir ganhar licitações públicas. Isto traz um grande prejuízo para a sociedade pois quando o mecanismo é viciado pela corrupção além dos valores serem fora da realidade, os serviços e produtos nem sempre são adequados e no prazo estipulado, e muitas vezes com um infindáveis aditivos”, aponta Jair.

Outra forma de prejuízo, segundo o presidente da Abigraf-PR, é com a própria paralisação do país em função da corrupção. “Há meses estamos só discutindo corrupção e o país está em estado de letargia. O congresso só se movimenta para apoiar ou acusar o governo e as medidas para fazer o Brasil andar ficam em segundo plano. A crise aumenta e perdemos mais competitividade.  É por isso que a corrupção custa caro a todas as pessoas e às empresas”, aponta Jair.

Para tentar amenizar a crise, Jair comenta que o Sigep/Abigraf-PR vem promovendo uma série de cursos e palestras aos associados, que enfocam estratégias objetivas para aumento de vendas em tempos de crise. “Agora mesmo iniciamos um curso de Desenvolvimento Empresarial, com foco em gestão estratégica, de finanças, de marketing e de vendas com o objetivo de aprimorar os conhecimentos dos associados para melhorarem o rendimento de suas empresas. Não podemos esperar nada do governo, temos que fazer a nossa parte”.

O presidente do Sigep, Abílio Santana, diz que a entidade apoia o Fórum e participou da organização justamente pelo evento ir ao encontro das medidas de transparências tomadas pelo sindicato junto aos seus associados. “Temos uma gestão de total transparência e focada no desenvolvimento de cada associado. Pregamos isso em nossos eventos e sempre somos parceiros de iniciativas que sigam pelo mesmo caminho. Como somos filiados à Fiep, da qual sou vice-presidente, é natural que prestemos apoio ao Fórum”.

 

Fórum

O 2º Fórum Transparência e Competitividade reúne convidados que abordarão métodos para que os empresários evitem que irresponsabilidades fiscais aconteçam dentro de suas corporações. O evento começa às 14 horas desta quinta-feira, na Fiep, com palestra do jornalista Willian Waak sobre a conjuntura e a corrupção no Brasil e termina com palestra do juiz federal Sergio Moro, sobre corrupção, empresas e controle.







Clique aqui se sua empresa fornece produtos ou presta serviços para gráficas
Clique aqui se sua empresa é uma gráfica.
Anuncie sua EMPRESA | Anuncie MÁQUINAS usadas | Anuncie vagas de EMPREGO